terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Que Neste Natal o capitalismo não se sobreponha completamente a Jesus Cristo



   Desejo que neste Natal, se não a todos, ao menos a alguns a lembrança de uma criança nascia há dois mil e tantos anos desperte a ternura por todas as demais crianças.... E que traga de volta aquela outra que ainda existe na alma da gente e que se alegrava com estar junto dois pais, dos amigos, dois irmãos pelo só fato de estar junto dos pais amigos e irmãos.... E que isso seja mais importante que a neurose de ter a "obrigação" de se "comprar" presentes, que o melhor presente seja estar presente junto aos seus e, mais ainda, que se esteja aberto a que Deus esteja presente junto a ti todos os dias de tua vida.... 
  E que aquela criança que se fez Homem e ensinou e praticou a igualdade, a partilha, a justiça social, o amo ao próximo (seja amigo ou não) e que, por defender estas ideias, enfrentou a morte imposta pelos poderosos de então (e os de hoje não ficam atrás) seja exemplo mestre que supera uma "lógica" e uma "racionalidade" que cultiva o egoísmo, a competitividade, o consumismo e nos leve de volta a um caminho que torne o mundo menos artificial e mais fraterno

Carlos Antonio Fragoso Guimarães


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá... Aqui há um espaço para seus comentários, se assim o desejar. Postagens com agressões gratuitas ou infundados ataques não serão mais aceitas.